EsportesEstilo de vida

Confira cuidados antes de praticar corrida

Ortopedista revela a importância de ter acompanhamento de um especialista quando for realizar a atividade

Confira cuidados antes de praticar corrida.

Praticar corrida é um ótimo exercício físico. Pois melhora o condicionamento cardiorrespiratório, fortalece os ossos, os músculos, tendões e ligamentos. Aliás, com o sucesso nas olimpíadas de Tóquio, o esporte vem ganhando cada vez mais adeptos. Mas atenção, antes de praticar, é preciso ter alguns cuidados.

Corrida e cuidados

Assim como os outros esportes, é preciso passar por uma avaliação antes de iniciar. “Passe por uma consulta médica e verifique seu estado de saúde. O ortopedista e o cardiologista são os mais indicados para procurar antes de praticar a corrida. Pois eles irão analisar como está a saúde do seu coração e checar a qualidade dos seus ossos e músculos a fim de evitar possíveis lesões ortopédicas”, revela Octacílio DaMatta, ortopedista.

A postura é peça chave para se exercitar. “O ideal é fazer exercícios posturais com alongamentos para que o condicionamento da coluna seja otimizado e permaneça sempre ereta. Ao correr, deixe os braços em 90º, uma vez que isso conserva a postura e amortece o impacto do corpo. Suas pisadas precisam ser feitas partindo do calcanhar até a ponta dos pés, para que não haja tanta pressão na região dos joelhos e também uma melhor estabilidade para os quadris e a coluna”, revela.

“Outro ponto importante é o tênis que você usará. Para fazer a  escolha certa, você averiguará seu tipo de pisada, estabelecida pelo ortopedista. Elas podem variar entre neutras, supinadas ou pronadas. Porque têm influência direta na postura pela compressão que causam nos discos e a influência no alinhamento da coluna. Se você, por alguma razão, não puder adquirir um tênis específico, opte por um tênis que tenha sido projetado para correr e equipado com amortecedores”, orienta Octacílio.

Confira cuidados antes de praticar corrida
Confira cuidados antes de praticar corrida. – Imagem: Divulgação

Sem lesões

Não faça escolhas precipitadas, comece aos poucos e respeite seus limites. “Intercale entre correr e caminhar, aumente o ritmo e a quilometragem aos poucos e sempre informe seu médico, isso ajudará a evitar problemas, incluindo, as lesões”, finaliza.

Fotos: Divulgação / Arquivo Pessoal

Fonte: Octacílio DaMatta, ortopedista e proprietário da clínica DaMatta Saúde Integral. – Letra Comunicação

Juliana Umbe̊lino

Escritora e social media, atua com revisão e produção de conteúdo para web. Editora de SEO para WordPress há mais de 9 anos. CEO na @vemprapalante. É autora publicada pela editora Qualis. Ministra palestras sobre web, mídias sociais e influenciadores. Além disso é apaixonada por livros, filmes, séries, quadrinhos, teatro e música (principalmente folk e rock'n'roll). É uma nerd raiz, por assim dizer.

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo