Saúde e Bem-Estar

Dricca Rhiel afirma que as restrições ainda vão continuar

Parapsicóloga afirma que população brasileira deverá se preparar para lidar com restrições até 2023. 

Dricca Rhiel afirma que as restrições ainda vão continuar.

Parapsicóloga afirma que população brasileira deverá se preparar para lidar com restrições até 2023.

A parapsicóloga Dricca Rhiel afirma que as restrições ainda vão continuar, mas que a doença já chegou em sua expressão máxima e que o otimismo é importante para o mundo se reerguer.

Os passos ainda são lentos.

O que se pode definir como uma estafa generalizada na população é o resultado da soma do longo período de restrições, confinamento e da falta de resultados efetivos em relação à retomada da vida normal.

Apesar da vacinação já ter começado no planeta, os passos ainda são lentos para quem não aguenta mais esperar poder voltar à vida normal e assim, retomar atividades e encontros sociais. A parapsicóloga Dricca Rhiel afirma que as pessoas precisarão aprender a lidar com o isolamento e com elas mesmas até 2023.

Bem como, “É necessário descobrir formas de se conectar com o seu eu, cultivar seus momentos em que está sozinha de forma produtiva, com atividades como leituras, estudos e meditação”, aconselha.

Dricca Rhiel afirma que as restrições ainda vão continuar
Dricca Rhiel – Foto Divulgação

Dricca Rhiel trabalha em mais de uma frente: aconselhamentos e orientações sobre futuro para casos específicos, atendimentos em situações de crise, em que seus pacientes chegam a ligar até de madrugada diante de algum acontecimento trágico, e os atendimentos na linha da psicoterapia, em que ela escuta e orienta constantemente as pessoas em situações do cotidiano.

De fato, em situações como a atual, em que milhares de brasileiros estão ansiosos e cansados de esperar pela normalidade, um dos caminhos que pode ser seguido por quem sofre é ter alguém para escutar suas preocupações.

Uma saída para o problema

“Quando a pessoa está desesperada ela precisa falar, pode falar a mesma coisa trinta vezes, mas ela precisa se expressar, pois está em meio a uma tristeza e não consegue se ver de fora, meu trabalho é escutar e conseguir mostrar uma saída para o problema”, explica Dricca.

Além disso, a parapsicologia é o estudo dos fenômenos incomuns da mente humana, a aptidão de captar o que não é visto e sentido pela maioria, é o popular sexto sentido. Dricca explica que é algo genético e recessivo, em que a glândula pineal é mais desenvolvida. “Assim como uns têm talentos para música e outros para a pintura, eu consigo me colocar no lugar dos outros e sentir o que eles sentem, é uma percepção extra sensorial, além dos cinco sentidos, não tem a ver com religião, é a intuição que se manifesta de diversas formas”. Por isso, os seus tratamentos são holísticos e levam em consideração aspectos comportamentais e energéticos.

Estão todos vibrando de maneira negativa.

Diante disso, ela percebe que o mundo atualmente está com uma energia diferente, impulsionada pelos acontecimentos causados pela pandemia e os medos de todos. “A emoção mais densa e prejudicial é o medo, pois ele paralisa e libera hormônios que podem ser maléficos em excesso”, explica. Além disso, ela destaca que quando estão todos vibrando de maneira negativa, é criado um campo energético que abarca esse tornado de pessimismo e gera uma atmosfera negativa, capaz de prejudicar ainda mais a todos.

Por exemplo, “O pânico não vai ajudar em nada, o que você precisa fazer é resgatar sua própria conexão, com você mesmo e com o divino, seja qual for a sua fé, inclusive destaco que fé não é apenas algo religioso, fé pode ser em você mesmo, nas pessoas, nos seus planos e na vida”.  Resumindo, por mais difícil que pareça, a parapsicóloga pede que se mantenha o otimismo. Isto é, “Nós temos que manter o sentimento de otimismo. Ou seja, já estamos enfrentando o pior momento da pandemia. Vai passar!”.

Fotos: Divulgação / Arquivo Pessoal

Fonte: Renato Cipriano
Assessoria de Impressa 

E-mail: renato.cipriano@gmail.com

Siga o Renato: Instagram

CONVERSÂO E CALCULADORA DE CAMBIO DAS CRIPTOMOEDAS:

Veja Como empreendedores de todo mundo estão ganhando dinheiro?

Confira na nossa loja virtual

Compre e venda criptomoedas em minutos. Junte-se a maior troca de criptografia do mundo

Marcos Morrone

Nascido em São Paulo Capital. CEO do Grupo Morrone Comunicações Ltda.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo