Estética

Em busca da selfie perfeita: harmonização facial vira febre nas redes sociais

Entenda os benefícios e os cuidados para obter bons resultados após o procedimento

Desde que a era das selfies se tornou uma febre mundial, a busca pelo rosto perfeito cresceu entre os internautas. No último ano, a harmonização facial se tornou um sucesso para essa finalidade após diversos famosos exibirem os resultados do procedimento em suas redes sociais. Por outro lado, diversos influenciadores e anônimos também foram criticados pelo exagero nas transformações. Desde então, abriu-se uma discussão: até que ponto a harmonização facial realmente faz bem?

Leia também: Visagismo como aliado na transição capilar

Para a cirurgiã dentista, capacitada em harmonização facial, Ludimilla Abi-Saber, um dos motivos para o crescimento na procura deste procedimento é exatamente a busca pela autoestima e os benefícios que ele proporciona para quem deseja resultados rápidos. “Com as redes sociais, o público fica cada vez mais exigente, principalmente quando se refere as formas do rosto. Para essas pessoas, a principal vantagem da harmonização facial é a possibilidade de melhorar todos os aspectos desejados no rosto em um único procedimento”, declarou.

Como é feita a harmonização facial?

A especialista esclarece que, basicamente, a harmonização facial é um conjunto de procedimentos realizados no rosto para dar mais harmonia na face e melhorar a simetria facial. “Conseguimos voltar os tecidos para uma posição mais harmônica, já que o tecido vai cedendo com o passar dos anos e envelhecimento da pele. A harmonização facial ajuda a melhorar o aspecto geral da face do paciente”.

Para o procedimento são utilizados a toxina botulínica e o ácido hialurônico na área do nariz, na boca, gengiva, queixo, olhos e etc. “A ideia é deixar o rosto com aspecto harmônico e mais jovem”, explicou.

Leia mais: Psicologia Viva: conheça a plataforma para fazer terapia online

Cuidados

Uma das principais queixas, atualmente, tem a ver com os procedimentos que não ficam como o esperado. Enquanto alguns parecem ficar com o rosto deformado, outros se arrependem e acham que a aparência anterior era melhor. Nesse sentindo, Ludimilla destaca a importância de se consultar com um bom profissional. “O ideal é procurar alguém habilitado e de confiança que irá analisar quais aspectos do rosto realmente precisam ser alterados para haver a harmonização, a quantidade necessária de produtos a ser colocado, as regiões especificas que precisam ser colocados. Além disso, um especialista poderá orientar se o procedimento realmente é necessário e se o paciente conseguirá obter os resultados desejados”, indicou.

Fonte: Ludimilla Abi-Saber Toledo, cirurgiã dentista, especialista em periodontia e capacitada em harmonização facial. É professora na pós-graduação em periodontia da Faculdade São Leopoldo Mandic e sócia da Clínica Vitácea, em Belo Horizonte.

Juliana Umbe̊lino

Escritora e social media, atua com revisão e produção de conteúdo para web. Editora especializada em SEO há mais de 9 anos. Possui um e-book publicado, atua em trabalhos que envolvem shows, eventos, estratégias de marketing. Ministra palestras sobre web, redes sociais e influenciadores. Também faz parte da Digital Blogger, assessoria para Influenciadores e marcas. Além disso é apaixonada por livros, filmes, séries, quadrinhos, teatro e música. É uma nerd raiz, por assim dizer.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
EgoNotícias

MANTENHA-SE ATUALIZADO

Assine a nossa newsletter e receba em primeira mão as principais notícias do Brasil e do mundo.