Meio AmbienteUrbanismo

Balneário Camboriú precisa novas medidas para despoluir Rio Marambaia

Balneário luta contra poluição há mais de 40 anos

Balneário Camboriú precisa novas medidas para despoluir Rio Marambaia.

Despoluir o Rio Marambaia, que deságua na ponta norte da praia de Balneário Camboriú, já é um sonho dos moradores locais há muito tempo. O histórico de poluição no principal rio do município já é uma pauta conhecida desde a década de 1980, quando a paisagem da cidade de Balneário Camboriú que conhecemos hoje começou a tomar forma, com o início das construções dos grandes arranha-céus as margens da praia.

Desde o último ano, as Prefeituras Municipais de Balneário Camboriú e Camboriú planejam medidas para reverter o gravíssimo estado de poluição em que o rio se encontra. A união e mútua colaboração dos dois municípios no projeto tende a trazer retornos positivos para o cenário do canto esquerdo da praia central. No entanto, ainda faltam esforços.

Meio Ambiente

A responsabilidade ambiental de maneira individual de cada morador é o primeiro passo para reverter o quadro em que o rio se encontra. É necessário verificar se o esgoto de cada residência está devidamente instalado ao saneamento do município, já que o rio passa por de baixo de boa parte da cidade, e muitos moradores nem mesmo sabem que estão poluindo o rio. De maneira coletiva, já existem iniciativas que fomentam a revitalização desse importante cenário, que um dia já foi um dos principais cartões-postais de Balneário Camboriú.

Ainda de acordo com, a empresa de abastecimento de água Só Água Potável, referência em Santa Catarina e Paraná, é um dos exemplos de iniciativas privadas que podem fazer a diferença nessa empreitada, como conta Carlos Alexandre Marconcini, diretor administrativo da empresa: “todo tipo de ação é necessária, seja como indivíduo, cuidado do saneamento da sua residência, ou como coletivo, promovendo e fomentando iniciativas de despoluição.

Balneário Camboriú precisa novas medidas 

A despoluição de um rio é responsabilidade de todos. Pretendemos procurar maneiras alternativas de colaborar com esse objetivo”. Ele contou, ainda, sobre sua missão pessoal e como empreendedor: “quando fundamos a Só Água Potável, um dos meus maiores sonhos sempre foi colaborar com iniciativas ambientais, principalmente com a despoluição de rios. Penso que, assim como a água de qualidade que fornecemos, é essencial termos esse bem preservado na natureza, afinal é um dos bens mais preciosos que possuímos”, revela.

O Movimento Rio Marambaia Limpo é outra figura de destaque nessa empreitada. Através de uma página no Facebook (www.facebook.com/riomarambaialimpo), os administradores postam atualizações sobre o estado em que o rio se encontra, além de postarem informações, críticas e sugestões para os gestores do município.

O que já está sendo feito

Desde 2018, a Empresa Municipal de Águas e Saneamento de Balneário Camboriú (Emasa), através do Programa Se Liga na Rede, vem realizando inspeções nas residências as margens do Rio Marambaia, a procura de ligações irregulares. O programa já identificou mais de 2500 ligações irregulares desde a sua implementação. Além disso, a Emasa também está implementando uma nova rede de esgoto e fazendo teste com nanobolhas para melhorar a oxigenação da água do rio.

Em 2019, a convite do prefeito de Balneário Camboriú Fabrício Oliveira (PSB), as prefeituras municipais de Balneário Camboriú e Camboriú formalizaram uma parceria com o intuito de minimizar os danos ao Rio Marambaia. Acontece que boa parte da poluição que chega em Balneário Camboriú tem origem no município vizinho, onde está localizada a foz do rio. A ideia é executar a rede de esgoto em Camboriú, tendo em vista que o município ainda não tem saneamento.

Portanto, no ano passado, a prefeitura de Balneário Camboriú apresentou uma proposta de apertar fiscalização e aumentar punição para residências que não tiverem o esgoto ligado adequadamente a rede. Principalmente, entre as medidas, um dos itens tornaria obrigatório a apresentação de uma declaração de regularidade de todos os edifícios do município. Proposta ainda não entrou em vigor.

História do Rio Marambaia

As águas do Rio Marambaia nem sempre possuíram a coloração que conhecemos hoje, assim como seu tamanho não se fazia tão pequeno como é hoje. Até a década de 1970, ele era um rio navegável e um importante aliado da economia e cotidiano do município, como conta o ex-diretor da Defesa Civil de BC, João Passos: “as pessoas pescavam, nadavam e toda região central de Balneário Camboriú, de alguma maneira, ou outra, eram influenciadas por ele”.

Balneário Camboriú precisa novas medidas para despoluir Rio Marambaia
Balneário Camboriú precisa novas medidas para despoluir Rio Marambaia Fotos Divulgação

Foi na década de 1980, quando aconteceu o “boom” da construção civil no município, que o cenário do Rio Marambaia começou a se modificar. De fato, o que antes era um grande rio, que em parte tinha aspectos de uma lagoa, começou a ser reprimido pelos grandes arranha-céus que cobriram o horizonte. Boa parte das suas ramificações foram completamente aterradas. A maior parte do que restou hoje passa por galerias cobertas debaixo da terra. Está preso entre as grandes construções.

Sobre a empresa

Bem como, Só Água Potável está no mercado há 12 anos trabalhando no ramo de soluções em água. Uma empresa em constante evolução no ramos de transporte e abastecimento de água potável com sucesso e crescimento.

Para quem?

Em outras palavras,  Só Água Potável atende diversos setores, tais como: Industrias de grande a pequeno porte, Usinas, estaleiros, portos, aeroportos, condomínios, hotéis, hospitais, fast-foods, residências, entre outros. Buscamos a melhor solução para você, seja treinando e qualificando nossa mão de obra ou investindo em equipamentos mais eficientes.

Informações:

E-mail: contato@soaguapotavel.com

Siga Só Água Potável 

Site: www.soaguapotavel.com

Facebook: SoAguaPotavel

Instagram: soaguapotavel

Balneário Camboriú precisa novas medidas para despoluir Rio Marambaia
Chef Rodolfo Bracali – E-book Assessoria Gastronômica – Foto Divulgação
Siga o Chef Rodolfo Bracali no Instagram: @chefrodolfobracali

Whats.Link: Rodolfo Bracali

Hashtag do Chef:  #chefrodolfobracali   #RodolfoBracali   #marketingdeconteudo

Fotos: Divulgação / Arquivo Pessoal

Fonte: Sara F
Suporte de Comunicação

Estiagem situação mais severa. Crise no abastecimento de água potável em todo o estado

. Metade das franquias apontam quedas na segunda quinzena de março

Clique para um café

Rodolfo Bracali

Rodolfo Bracali , Chef Argentino e Assessor Gastronômico , Marketing de Conteúdos, Jornalista no portal egonoticias.com - Atualmente Mora em Belo Horizonte Minas Gerais. Tudo isso você pode acompanhar nos meus espaços na Web. CONTATO: WhatsApp +55 31- 99885-9387 - e-mail: rcb539@gmail.com site: https://chefrodolfobracali.com.br/ -

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo