CelebridadesDigital InfluencerFamosos

ANAJU: “Mulheres estão dominando a cena do TRAP no Brasil”

ANAJU tem 1 ano de carreira e está dominando a cena do trap no Brasil

Mulheres estão dominando a cena do TRAP no Brasil.
ANAJU é referência para mulheres que estão passando a escutar TRAP no Brasil.
MENINA VENENO DO TRAP!
Mulheres estão dominando a cena do TRAP no Brasil.
ANAJU / Foto: Divulgação

Antes de mais nada, sedução em beleza e talento, ritmo musical e acelerado ao progresso de carreira. Ainda mais, tudo isso sem perder a consciência social pelo empoderamento das mulheres. Conforme, o trap sobe de patamar com ANAJU. De antemão, com exclusividade, nossa coluna entrevistou a artista que, com apenas 1 ano de carreira, demonstra que será um dos principais sucessos de 2021. A referência moderna sem perder a elegância se soma a personalidade dessa gaúcha de Porto Alegre. Olhar de tom azul e a voz doce, no entanto, aulas incríveis de melodia e atitude. Além disso, naturalmente, 380 mil seguidores no Instagram, calibre fatal de que está prestes a se consolidar. Ela mostra a que veio: ter a coroa de rainha no Brasil deste ritmo descendente do Hip Hop e que é o maior fenômeno entre os jovens.

Rápida no Gatilho:

Ao mesmo tempo, na primeira pergunta, buscamos a essência do que a motiva, e ela foi rápida na resposta: “o que mais me motiva é fazer as pessoas se sentirem bem, se sentirem inspiradas. Tocar o máximo de gente possível com a minha arte, passar uma vibe boa e que as mulheres se sintam fortes e empoderadas pelo meu som. É por elas, é com elas, é uma mesma batida musical e social. É por isso que meu coração vibra”. Questionada o que a chateia, nem titubeou: “o machismo, o preconceito na sociedade, o pensamento retrógrado. Isso até me entristece muito”. As canções “Dior”, “Califórnia”, “House Party” e “Pifado pra love, junto com Donatto e Kaio Viana” mostra a versatilidade e essência de sucesso; disponíveis em todas as plataformas digitais.

Mulheres estão dominando a cena do TRAP no Brasil.
Kaio Viana , Donatto e ANAJU / Foto: Divulgação
Carreira internacional:

De fato, ANAJU sonha e não é baixo, logo se alegra ao dizer que gostaria de uma parceria internacional com a norte-americana, Ashnikko. Além disso, a personagem Arlequina a inspira pela atitude. E os cabelos coloridos também. “com certeza, se a Arlequina cantasse, seria Trap”, se divertiu ao imaginar essa trilha sonora de filme. Compositora, fluente em inglês e espanhol, e já morou na Colômbia. Pretende lançar um som para fazer dançar toda a América Latina. Também anuncia: vem aí uma parceria com a Hyperanhas, (Nath Fischer e Andressinha), dupla também do Trap que une música e representatividade feminina.

Mulheres estão dominando a cena do TRAP no Brasil.
Hyperanhas (Nath Fischer e Andressinha) e ANAJU/ Foto: Divulgação
O território é da arte:

Sob o mesmo ponto de vista, segundo a cantora, faltam muitas oportunidades para as mulheres que desejam se destacar nessa cena musical: “a verdade é que existem muitas dificuldades para as mulheres, mesmo com as minas fazendo muito barulho positivo na cena. Começou uma mudança, mas precisamos chegar, no mínimo, em um equilíbrio. O território é da arte, do talento, não de uma masculinidade”. Em outras palavras, por isso, ANAJU reivindica a consciência artística de contratantes e produtores.

Mulheres estão dominando a cena do TRAP no Brasil.
ANAJU/ Foto: Divulgação
O que é o Trap?

Em primeiro lugar, o gênero influencia o comportamento jovem no país e traduz a velocidade e a facilidade da era digital. Afinal, o estilo é automaticamente reconhecido pelos beats, que, além das batidas do rap, bebem da cadência dos sintetizadores da música eletrônica e da atmosfera suave, repetitiva e sexy do dubstep. Isto é, o ritmo começou a pegar os brasileiros de jeito em meados de 2013, via Youtube.

Foto: ANAJU / Arquivo Pessoal

Fonte: Jornalista – Henrique Estevan – Dom Diego

Sigam: ANAJU no Instagram e no YouTube

Veja mais:  Fotografa Nayara Andrade conquista concurso nacional 

Colunista: Henrique Estevan

GOD SAVE THE FASHION 360°

Henrique Estevan

Comunicador na imprensa ( Continente América Latina - Continente Norte Americano - Continente Europeu) - Estrategista de mercado "macro" - Desenvolvedor de projetos sustentáveis - Empresário artístico - Conectando marcas & artistas - GOD SAVE THE FASHION 360° - Nascido em São Paulo - Capital - Brasil

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo